Jovens

J.A 26/Dez. Natal é Jesus

“Porque um menino nos nasceu, um filho se nos deu; o governo está sobre os seus ombros; e o seu nome será: Maravilhoso Conselheiro, Deus Forte, Pai da Eternidade, Príncipe da Paz.” (Isaías 9:6).

LOUVOR
Não Há Alguém – CD Jovem 2014 Sempre de Jesus – CD Jovem 2005 A Única Esperança- CD Jovem 2014

TESTEMUNHO
O COLÉGIO ADVENTISTA La Cisterna, Chile, realizou em 2013 a campanha Mutirão de Natal, cujo objetivo foi arrecadar alimentos não perecíveis, roupas e brinquedos para as famílias carentes.
O programa de encerramento contou com a participação de professores, alunos e representantes do centro de estudos. Também participaram da atividade representantes destacados da comunidade, além de autoridades trazidas pelas diferentes equipes participantes.

Com comissões organizadas, divididos em quatro equipes, foram arrecadados quase 2.000 kg de alimentos não perecíveis, destinados às famílias carentes. Sem dúvida, essa será uma experiência marcante para as crianças e jovens que passam a ter mais compaixão pelas pessoas carentes.

ORACÃO INTERCESSORA
Oremos para que neste natal nos lembremos de que sem Jesus essas festas não têm sentido. Ele é que deve estar no centro da celebração e também no centro de nossa vida, durante todos os dias do ano.
Orar pelas pessoas necessitadas, que vivem nas ruas, e pelas famílias pobres é também excelente forma de encher o coração com o amor de Deus e, a partir disso, realizar algo concreto em favor dessas pessoas.

MENSAGEM
Enquanto Miguel terminava de montar a árvore de Natal na sala de sua casa, podia-se ouvir da cozinha os antigos jingles que soavam no velho rádio a pilhas, que a mamãe tinha sobre o refrigerador. Que linda era essa data. Parecia que todos os problemas da casa se desvaneciam e apenas reinava uma atmosfera de paz e felicidade.

Já estava quase tudo pronto e apenas faltava colocar a estrela quando surgiu um problema. A árvore era muito alta e Miguel não alcançava a sua ponta. Então ele pediu a ajuda de seu irmão Davi para erguê-lo a fim de poder alcançar a ponta da árvore.

Pouco depois, ao redor da mesa estava toda a família pronta para desfrutar de uma deliciosa ceia de natal. Pouco antes de orarem agradecendo a Deus pelos alimentos o papai perguntou ao Miguel o que mais ele gostava a respeito do Natal. Um sorriso se desenhou no rosto do menino enquanto olhava de esguio para debaixo da árvore que estava diante da mesa, e respondeu: “Eu gosto dos presentes. Sem dúvida é disso que eu mais gosto. Os presentes”.

Não é incrível que na data em que o mundo diz recordar um acontecimento tão transcendente para seu destino, que relembra o ato de generosidade jamais visto, seja dedicada à gratificação pessoal e à satisfação do egoísmo?

Se há um espírito que deve reinar no Natal é o de dar, o de oferecer, o de negar a si mesmo em favor dos demais. “Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu o seu Filho uni- gênito, para que todo o que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna” (João 3:16).

Dar foi a maior manifestação de Deus para o ser humano. O Senhor deu o que de mais valioso possuía: Seu próprio Fi- lho. O espírito do Natal é doar, presentear. Mas que tipo de presente? O presente de que estou falando não está à venda nas lojas do bairro nem tampouco nos grandes shoppings do mundo. Ainda, não haveria quantia suficiente de dinheiro para pagar por ele. É muito mais, é o único presente que pode preencher nossos mais profundos anelos. Alguém disse certa vez a respeito de nossa maior necessidade:

– Se nossa maior necessidade fosse a informação, Deus nos teria enviado um educador.
– Se nossa maior necessidade fosse a tecnologia, Deus nos teria enviado um cientista.
– Se nossa maior necessidade fosse dinheiro, Deus nos teria enviado um economista.
– Se nossa maior necessidade fosse os prazeres, Deus nos teria enviado um animador de festas.
– Porém, nossa maior necessidade é de perdão e, assim sendo, Deus nos enviou o Salvador. Jesus Cristo é o Salvador do Mundo, o maior presente que podemos receber e também dar neste Natal. Não gaste sua energia em vão. Neste Natal você pode receber Jesus em seu coração e compartilhá-Lo com seus queridos.

ESPÍRITO DE PROFECIA
“A juventude deve ser tratada com muito cuidado. Não devem ser deixados no Natal a buscar seus próprios diverti- mentos em prazeres vãos, em diversões que lhes rebaixarão a espiritualidade. Os pais podem controlar esta questão vol- tando a mente e as ofertas dos filhos para Deus e Sua causa e a salvação de almas” (O Lar Adventista, p. 478).

MÃO NA MASSA
Louvor: Os momentos de louvor que antecedem o início do programa podem ser feitos com os hinos do Hinário Adventista alusivos ao Natal. Na medida do possível, incentiva- mos que os momentos de louvor sejam acompanhados por diversos instrumentos musicais, ao vivo. Estaremos assim apoiando a participação de mais jovens e desenvolvendo seus talentos.

Testemunho: Graças às campanhas do Mutirão de Natal, promovidas pela ADRA, não faltam histórias de igrejas e de escolas adventistas que se envolveram com muita dedicação e conseguiram beneficiar muitas famílias carentes na América do Sul. Fazer um cartaz com notícias de toda a Divisão será uma forma interessante de incentivar a unidade da igreja em favor do próximo.

Oração Intercessora: Como já sabemos, este deve ser um momento muito solene. Seria bom preparar caixinhas de presentes, bem enfeitadas para cada um dos irmãos que comparecerem. Eles deverão incluir na caixa o nome de algum familiar ou amigo a quem desejam trazer para Jesus, como um presente para nosso Senhor. As caixas devem ser fechadas e então, feita a oração por esses nomes.

Mensagem: Se preferir, dramatize a história acima trocando o final, com Miguel falando a respeito da alegria que sente em compartilhar os presentes com as crianças carentes.

WordPress Video Lightbox