Jovens

J.A. 10 – Escolhendo o presente! – 4º Tri/2014

 Ao entrarem, viram o menino com Maria, sua mãe, e, prostrando-se, o adoraram. Então abriram os seus tesouros e lhe deram presentes: ouro, incenso e mirra. Mateus 2:11

LOUVOR

  • Num berço de Palha (HA 50)
  • Surgem anjos proclamando (HA 49)
  • Que te darei meu Mestre (HA 243)

TESTEMUNHO

Giovanna é uma menina muito simpática de apenas 9 anos. Chegando próximo ao Natal, ela não sabia o que dar para sua professora de piano, chamada Fanny. Com a ajuda de sua mãe, ela resolveu escolher um livro para presenteá-la. Ao viajar de férias, Fanny sempre levava livros, e decidiu levar o que havia ganhado de sua aluna. Apesar de sua família ser adventista, e ela já ter conhecido a igreja em outros momentos, nunca pensou em se tornar membro. Quando ela recebeu o livro, dedicado e doado com muito carinho por sua aluna, teve um interesse a mais pela leitura. A professora leu o livro em dois dias e voltou com sua vida transformada. Hoje ela é adventista e continua sendo a professora de piano da Giovanna. E você, que tipo de presentes tem dado no final de ano? Se Jesus nascesse hoje, você estaria ao lado do grupo que presenteou Jesus em seu nascimento, ou no grupo que o rejeitou? 

ORAÇÃO INTERCESSORA

Neste período é comum a prática de amigo secreto. Promova um sábado antes o “Amigo Jovem”. Cada pessoa deverá pegar um nome e orar por ele durante a semana. No Culto Jovem deste dia deverá ser revelado nesse momento de oração. Não há necessidade de troca de presentes, talvez um cartão personalizado possa estar à disposição da igreja para este amigo. Uma oração deve ser feita entre os amigos no momento da revelação.

MENSAGEM

Quando Jesus nasceu havia várias pessoas envolvidas, e tiveram reações diferentes. Houve um grupo que o recebeu com presentes, e outros que tentaram abafar seu nascimento. Analise os grupos de pessoas e tente trazer para os dias atuais. Quem seria, em nossos dias, os sacerdotes, o rei, os magos? Como seria a reação de tal nascimento no século 21?

Os sacerdotes e anciãos de Jerusalém não eram tão ignorantes a respeito do nascimento de Cristo como se faziam. A notícia da visita dos anjos aos pastores fora levada a Jerusalém, mas os rabis a tinham recebido como pouco digna de atenção. Eles próprios poderiam haver encontrado Jesus, e estado preparados para conduzir os magos ao lugar em que nascera; ao invés disso, porém, foram eles que lhes vieram chamar a atenção para o nascimento do Messias. “Onde está Aquele que é nascido Rei dos judeus?” perguntaram; “porque vimos a Sua estrela no Oriente, e viemos adorá-Lo.” Mat. 2:2. 

O Rei Herodes com uma autoridade que não ousaram desatender, ordenou-lhes que fizessem atenta investigação e declarassem o lugar do nascimento do esperado Rei.

Os magos do Oriente eram filósofos. Faziam parte de uma grande e influente classe que incluía homens de nobre nascimento, bem como muitos dos ricos e sábios de sua nação. Entre estes se achavam muitos que abusavam da credulidade do povo. Outros eram homens justos, que estudavam as indicações da Providência na Natureza, sendo honrados por sua integridade e sabedoria. Desses eram os magos que foram em busca de Jesus.

Os anjos – Com mais profundo e mais terno interesse os santos seres do mundo da luz são atraídos para a Terra. Todo o mundo se ilumina à presença do Redentor. Sobre as colinas de Belém acha-se reunida inumerável multidão de anjos. Esperam o sinal para declarar as alegres novas ao mundo. 

ESPÍRITO DE PROFECIA

Por meio dos magos, Deus chamara a atenção da nação judaica para o nascimento de Seu Filho. Suas indagações em Jerusalém, o despertar do interesse popular, e o próprio ciúme de Herodes, que forçou a atenção dos sacerdotes e rabis, dirigiu os espíritos para as profecias relativas ao Messias, e ao grande acontecimento que acabava de ter lugar.   O Desejado de Todas as Nações, página 64, parágrafo 4.

MÃO NA MASSA

Louvor: Datas especiais pedem músicas específicas. Mas, como o Natal abrange temas de gratidão, amor, bondade, procure hinos nessa linha e deixe a igreja participar, o mais importante é que a congregação esteja totalmente envolvida neste louvor.

Testemunho: Aqui temos a história de uma criança que ao escolher o presente de natal de sua professora de piano, fez uma excelente escolha. Mas, se você conhece a história de alguém que conheceu a Jesus através de uma programação, cantata, ou projetos natalinos, dê preferência para esse testemunho pessoal.

Oração Intercessora: O famoso amigo secreto! Quantos são realizados nesse período do ano. Faça um com sua igreja, crie um cartão personalizado do programa, ou compre algumas lembranças simples para que os membros troquem no dia da revelação. Mas, não deixe de focar a oração de uma pessoa pela outra, isso é o mais importante.

Mensagem: Este tema é delicado, pois a Bíblia não relata o dia do nascimento de Jesus. Tire proveito da data para as coisas espirituais, mas não confunda os assuntos de Deus com assuntos mundanos. Tente trazer o tema para o que a Bíblia realmente relata. Os trechos citados na parte de Mensagem acima foram extraídos do livro O Desejado de Todas as Nações. Esperamos que a igreja queira fazer parte dos que presentearam a Jesus e ainda hoje queira presenteá-lo com nossa vida.

WordPress Video Lightbox