Comunicação

As Manifestações e o Evangelho

O Brasil vive momentos delicados e complexos com a possibilidade de novas manifestações no País, inclusive de forte conotação política. Há um descontentamento de parte da população por conta do aumento de taxas, preços e custos, além de constante relação do Brasil com a corrupção na administração pública. Já vivemos no passado atos pacíficos e outros violentos entre manifestantes e policiais, resultando no vandalismo em várias cidades.

Diante desse quadro complexo, a pergunta que se ouve nestes últimos dias é: devem os adventistas se envolver nessas manifestações? Devem os pastores adventistas sair às ruas e fazer eco aos protestos?

Vale a pena mencionar uma citação inspirada da escritora Ellen White, que esclarece alguns pontos:

“O governo sob que Jesus viveu era corrupto e opressivo; clamavam de todo lado os abusos — extorsões, intolerância e abusiva crueldade. Não obstante, o Salvador não tentou nenhuma reforma civil. Não atacou nenhum abuso nacional, nem condenou os inimigos da nação. Não interferiu com a autoridade nem com a administração dos que se achavam no poder. Aquele que foi o nosso exemplo, conservou-Se afastado dos governos terrestres. Não porque fosse indiferente às misérias do homem, mas porque o remédio não residia em medidas meramente humanas e externas. Para ser eficiente, a cura deve atingir o próprio homem, individualmente, e regenerar o coração”. (O Desejado de Todas as Nações, 358).
Como Igreja, respeitamos as reivindicações porque nós temos saído às ruas para defender ideias, como o projeto Quebrando o Silêncio , contra o álcool, o fumo e as drogas e em defesa da liberdade religiosa. Saímos com os jovens no projeto Missão Calebe  e para doar sangue (www.vidaporvidas.com), chamando a atenção da sociedade para o bem, entre outras iniciativas.
Não é errado defender ideias e ideais, e todos têm o direito de se manifestar livremente, conforme a própria Constituição Brasileira prevê. Como Igreja, contudo, alertamos que nessas manifestações existem pessoas com intenções equivocadas que não combinam com os nossos pensamentos e princípios cristãos. Muito mais do que reivindicar, nossa missão é proclamar. Como cristãos, fomos chamados para influenciar o mundo e devemos continuar fazendo isso através do amor, doando-se e desgastando-se pelo bem da comunidade.

Na continuação, Ellen White diz: “Não pelas decisões dos tribunais e conselhos, nem pelas assembleias legislativas, nem pelo patrocínio dos grandes do mundo, há de estabelecer-se o reino de Cristo, mas pela implantação de Sua natureza na humanidade, mediante o operar do Espírito Santo. “A todos quantos O receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus; aos que creem no Seu nome; os quais não nasceram do sangue, nem da vontade do varão, mas de Deus”. Jo 1:12, 13. Aí está o único poder capaz de erguer a humanidade. E o instrumento humano para a realização dessa obra é o ensino e a observância da Palavra de Deus”. (O Desejado de Todas as Nações, 358)

Estamos, como adventistas, neste mundo com uma mensagem especial que é preparar um povo para o encontro com o Senhor! Cremos que a nossa força não deve estar nas manifestações por justiça, mas em anunciar a volta do Senhor Jesus, a verdadeira causa!

A Bíblia é o nosso guia segura sempre. No livro de Hebreus 11:16 está escrito que: “Mas, agora, aspiram a uma pátria superior, isto é, celestial. Por isso, Deus não se envergonha deles, de ser chamado o seu Deus, porquanto lhes preparou uma cidade.”

O sonho dos sul-americanos, o sonho dos brasileiros, o sonho dos europeus… Todos querem uma pátria melhor. E ela existe. A cidade de Deus, a pátria celestial. Enquanto não estamos nela, seguindo Romanos 13, dedique tempo para orar pelas autoridades e para que o evangelho continue sendo anunciado com toda a força.

Lembre-se sempre: “Crede no Senhor vosso Deus e estareis seguros”. (2 Crônicas. 20:20).

  • Cristiano Soares

    Muito bom o app, o Clube Asther da IASD Nova Aparecida em Campinas será incentivado a usar!

  • David Queiroz

    Excelente a iniciativa, mas por favor, não esqueçam dos que usam iphone e os que tem windows phone.Obrigado.

  • Tatiana Máximo

    por favor fazem a versão para o play store

  • Adila Patricia

    estou com o david queiroz, tem que fazer pro iphone e windows phone..

  • Marquinhos Oliveira

    nem todos os aparelhos que tem android está funcionando. diz que não é compatível. kd aqueles folhetos impressos? preciso deles!

  • Elisangela Santos Almeida Oliv

    Gostei da matéria e das orientações à luz da palavra de Deus. Ela deve ser o nosso guia e nossa melhor escolha. Que façamos conforme a Sua vontade Senhor!!

  • Avaçar Fitnees

    Interessante! NUNCA NO BRASIL O EVANGELHO FOI TÃO ATACADO , E A MESMA IGREJA QUE USA OS TEXTOS DE EGW , DIZENDO QUE OS JOVENS DEVEM SIM OCUPAR CARGOS IMPORTANTES, E INFLUENCIAR PARA O QUE É CERTO, ESTA MESMA ESCRITORA DISSE QUE NÃO DEVERÍAMOS NOS OMITIR QUANDO ESTIVESSE SENDO PREPARADO O CENÁRIO PARA TIRAR NOSSOS DIREITOS DE LIBERDADE, E É ISSO QUE ESTE GOVERNO TEM FEITO, PERSEGUIDO O EVANGELHO,E INCITADO O ÓDIO ENTRE AS PESSOAS. AGORA A IGREJA VEM DIZER QUE DEVEMOS NOS ACOVARDAR , NÃO ENTENDO !
    PEDIR CAUTELA, TUDO BEM , POIS PODEMOS APENAS COLOCAR A BANDEIRA DO PAÍS NAS JANELAS, VISTIR VERDE E AMARELO !
    MAS FICAR NEUTROS! ?
    NÃO ENTENDO!

    • Douglas Lima Dantas

      Não Avaçar Fitness, o que se falou é justamente que não devemos ficar neutros. No entanto, não podemos nos esquecer de nossa causa maior no mundo, que é testemunhar e levar a mensagem, pois isso é o que realmente transforma. Já pensou quão bom seria se todos seguissem os mandamentos de Cristo? Com certeza não haveria agora motivos para manifestação.

      • MICHELANGELO

        Na minha opinião, sem dúvida a nossa missão é levar as boas novas ao mundo, porém, acho justo o povo se manifestar quando a causa é para o benefício comum de todos. Imagine que fosse decretado politicamente que o culto aos sábados fosse proibido, não seria justo nós cristãos reivindicarmos nosso direito eterno?! ou ficariamos em casa ou em renião escondidos?! Será que nós não iriamos agradar a Deus, nos manifestando nas ruas e mostrando nossa posição firme em defesa da Lei eterna? Acho que esse assunto não é fácil, devemos pensar a respeito, porque isso pode e deve acontecer um dia.

  • Eliezer Gisinha

    Essa posição é um péssimo testemunho, além do que essa comparação com a atitude de Jesus é incompatível pela pessoa que ele era e pela época em que viveu o episódio, afora os detalhes não relatados pela palavra. A igreja deveria ter mais cautela ao opinar sobre certas questões ou simplesmente se calar porque estas recomendações são interpretações de um grupo muito resumido de pessoas que mantêm, de certa forma, o controle da mídia na igreja.

    • Márcio Lima

      Vc deveria estudar um pouco a palavra de Deus antes de dar este comentário. Que Deus te abençoe.

    • Matheus Farias da Silva

      Meu amigo estas pessoas que mantem o brasil sóbrio que procuram legitimidade que não envergonham pais.

    • Felipe Lemos

      Amigo Eliezer, você tem todo o direito de ser contrário à orientação da Igreja, porém duas considerações são importantes. O contexto em que Cristo viveu era de um Império Romano com profundos episódios de corrupção também portanto o cenário era muito parecido com o de hoje e talvez até pior. Um segundo aspecto é o de que essa opinião reflete o que a Igreja orienta não por controlar a mídia da igreja, mas por se embasar na Bíblia e no Espírito de Profecia.

      • Alex Colci

        Não concordo plenamente com
        o que foi exposto. Quando analisamos o que Ellen White escreve no livro
        Obreiros evangélicos, pág 387 “Muitos lamentam o mal que
        sabem existir, mas se consideram livres de qualquer responsabilidade no
        assunto. Isso não pode ser. Todo indivíduo exerce uma influência na
        sociedade.” Ela trata exclusivamente sobre problemas
        relacionados ao alcoolismo, porém, deve ser aplicado em todos os aspectos da
        sociedade. Devemos sim buscar uma pátria melhor e mais digna e não ser
        coniventes com o que ocorre hoje. Aquele que tenta esconder os erros, também é
        participante do pecado dos governantes.

        Qual é a lógica sair as ruas defendendo programas como “quebrando o silêncio” “missão
        Calebe” entre outros e ser conivente com aquilo que ceiva milhares de vidas a
        cada ano?

        Na maioria dos países do
        mundo, a igreja cristã desfruta de paz e livre expressão porque muitos derramaram
        seu sangue por essa liberdade. É um pouco incoerente a postura de conformismo e
        omissão quando dependemos desses movimentos para cumprir a nossa missão.

        O Sermão da Montanha (Mat
        5) nada mais é do que um manifesto por uma sociedade em que predomina a
        justiça:

        “Bem-aventurados os que têm fome
        e sede de justiça, porque eles serão fartos.” (v. 6)

        “Bem-aventurados
        os pacificadores, porque eles serão chamados filhos de Deus.” (v. 9).

        Não é
        esse o grito do povo que sai às ruas?

      • Ricardo barbosa

        Felipe Lemos, estou com você… o povo Adventista tem uma grande diferença entre os demais. Estudam as sagradas escrituras atentamente para poder discernir o que de fato Jesus deseja de sua Igreja.

  • Luciano Ribeiro

    Respeito a opinião do post, todavia, e usando da mesma lei de Deus, a Bíblia, eu uso o livro de Estér onde o povo houve de se manifestar contra o decreto real no qual seriam aniquilados. Diferentemente, daquela época, hoje o cenário não comporta lutas sangrentas, mas sim o digno anseio do povo por dias melhores personificado pelo ato do próximo dia 15. Ato este que poderá sim começar a mudar o rumos deste país a um destino diverso da Venezuela e cuba. Países onde A LIBERDADE RELIGIOSA FOI BANIDA!! Em ambas localudades o povo foi seduzido e enganado, portanto, EU AGRADEÇO A DEUS POR TODOS AQUELES QUE ACORDARAM E IRÃO AJUDAR A DAR UM BASTA NESSA ESCALADA DE DESTRUIÇÃO DO NOSSO BRASIL.
    Ser crente nunca foi ser alienado, mas sim se posicionar pelo o que é justo e correto.

    • Mateus dos Santos

      Bonito defender algo com mentiras Cuba e Venezuela há cristianismo sem impedimentos legais ao contrário dos países mulçumanos que tem muitas ideologias dos organizadores do dia 15, liberdade é liberdade se não nada contra a presidenta pq vc quer protestar contra ela?

    • Rodolfo

      Aeee!!! , gostei!

  • MICHELANGELO

    NÃO CONCORDO TOTALMENTE COM ESSE COMENTÁRIO. Deus não quer alienados e ignorantes espiritualmente e civilmente. A população tem direito e deve reivindicar os seus direitos (o que no Brasil já são poucos), não se pode fechar os olhos para o que ocorre num país, vivemos em sociedade. Lembrando que existem pessoas e crianças sofrendo todos os dias devido a política suja do país. Somos cristãos e não idiotas, aceitando a corrupção ou outros malfeitos de quem quer que seja! O homem é ajudado por Deus a cada segundo de vida, mais tem que fazer a sua parte também! Por exemplo, iríamos aceitar pacificamente um decreto proibindo o culto ao nosso Deus aos sábados?! Não deveríamos ir à rua para reivindicar esse nosso direito?! mesmo que na manifestação sabêssemos que iriamos ser agredidos?! Eu estaria lá com certeza!

  • MICHELANGELO

    Na minha opinião, sem dúvida a nossa missão é levar as boas novas ao mundo, porém, acho justo o povo se manifestar quando a causa é para o benefício comum de todos. Imagine que fosse decretado politicamente que o culto aos sábados fosse proibido, não seria justo nós cristãos reivindicarmos nosso direito eterno?! ou ficariamos em casa ou em renião escondidos?! Será que nós não iriamos agradar a Deus, nos manifestando nas ruas e mostrando nossa posição firme em defesa da Lei eterna? Acho que esse assunto não é fácil, devemos pensar a respeito, porque isso pode e deve acontecer um dia!

    • pamela

      Pode meu querido amigo e vai! Porém Quando isso acontecer será o sinal mais claro da volta de Jesus. E a orientação divina não será de reivindicar e sim ir para os locais isolados e aguardar a sua vinda! Assista a última batalha e entenderá mais um pouco! Abraço

  • Luiz Dania

    lindas palavras para o tempo de Jesus no seu ministério aquina terra oquAL NÃO ESTAVA VOLTADO PARA OS PROBLEMAS TEMPORAIS QUE ESTAVAM ACONTECENDO NAQUELE MOMENTO SUA MISSÃO NÃO ERA TEMPORAL E SIM DE CUMPRIMENTO DAS PROFECIAS UMA CAUSA MUITO MAIOR E SUBLIME NÓS SOMOS CRISTÃOS MAS NÃO SOMOS BOBOS PRUDENTES COMO POMBA MAS ESPERTOS COMO AS VÍBORAS NÃO ESTAMOS MAIS NO TEMPO DE ROMA MAS NO NOSSO TEMPO E NOSSO PAÍS LEMBREMOS QUE OS COVARDES NÃO HERDARÃO A NOVA TERRA

  • Sentimentos diferentes fazem parte da nossa natureza, nem sempre concordamos com tudo. Gostaria de refletir sobre este momento. Temos vivido tão secularizados que nem percebemos o que seria melhor muitas vezes. Realmente que grande contribuição teríamos em meio à uma multidão revoltada, cheia de sentimentos e preocupações politizados, dispostos à qualquer reação diante de outros grupos divergentes? Não tenho dúvidas de que um punhadinho de adventistas misturados teriam uma contribuição ínfima no meio da multidão e com possíveis sequelas, onde o espírito do Evangelho seria de nenhum valor. Por que não fazer algo mais dentro da nossa própria comunidade? Algo como as passeatas do Quebrando o Silêncio? Onde houvesse dividendos para a causa do Evangelho? A corrupção nos atinge a todos infelizmente, mas se houver uma voz mais cristã contribuindo pode vir a significar uma representatividade mais adequada. Nossos motivos são eternos e não meramente passageiros e tudo o que fazemos em nossa vida coletiva ou individual precisa ter o selo do “assim diz o Senhor”. Ellen White cria que tudo o que fazemos como igreja tem só um objetivo: “ganhar almas”, somos uma agência ganhadora de almas e deveríamos fazer todo esforço nesta direção, até em momentos de comoção nacional, como agora.

    • Jeová José

      Luiz Nogueira, as passeatas Quebrando o Silêncio, a finalidade é incentivar as pessoas a entregar um criminoso para a justiça. As passeatas contra um governo corrupto é com o mesmo objetivo. Corrupção é crime também e grave. Quantas pessoas estão morrendo nos hospitais por falta de atendimento? O dinheiro para melhorar a saúde está na conta de alguém na Suíça.

  • Sandro Dias

    Nosso exemplo sempre será Jesus e Sua Palavra, não importando o que eu ou você “achamos”.

    “Obedeçam às autoridades, todos vocês. Pois nenhuma autoridade existe sem a permissão de Deus, e as que existem foram colocadas nos seus lugares por Ele. Assim quem se revolta contra as autoridades está se revoltando contra o que Deus ordenou, e os que agem desse modo serão condenados.”
    (‭Romanos‬ ‭13‬:‭1-2‬ NTLH)

  • André Luiz Nadaline

    “Nessa obra, cumpre-nos preservar a individualidade… Devemos permanecer livres perante Deus,…” Todos sabemos que aqui é um campo de batalha e não nosso lar, mas a base de nossa fé é o respeito que Deus tem na decisão do homem, na aceitação da salvação individualmente. Se estamos manifestando aquilo que pensamos sem estar presos a grupos como sindicatos ou sociedades e não nos colocamos contra nossas crenças cristãs em nada temos que temer. Baseados nesses princípios, acredito que a IASD deveria ter um pensamento “liberal”, ou seja, focada sempre na defesa da decisão individual pois pregamos diariamente que no momento que perdermos nossa força individual de escolha, de servir e adorar nosso Deus… será o fim!

  • Wanderson Lima

    Sabemos pela palavra de Deus que a justiça do homem é trapo de imundícia, por mas que haja manifestações políticas econômicas para melhorar o nosso país, a tendencia será sempre de piorar, pois, vivemos no tempo do fim aguardando a volta de JESUS, devemos gastar nosso tempo em proclamar e resgatar o maior numero de pessoas para CRISTO, isso deve ser sempre as nossas manifestações. A intolerância, covardia, corrupção, maldade, desrespeito, ficará sempre a juízo de DEUS.

  • Selma

    Tenho observado a covardia da Igreja e a omissão generalizada nos nossos púlpitos, como se nada estivesse acontecendo. Acorda, que o Brasil esta atravessando revoluções intestinais que podem mudar a sua cara para sempre.
    Onde estão os profetas de plantão, que falam grosso entre quatro paredes, mas que agora que são urgentemente necessários, para dizer ao povo o que Deus diz ou pensa, do que se ocorre, se escondem em cavernas cômodas, com TV de controle remoto, colorida. Pra mim essa omissão é covardia, me desculpem. Pra que Deus levanta profetas para uma nação, se esses tem medo de falar?
    Creio que o cristão pode e deve participar da vida do seu país. Não tenho nada contra as manifestações pacificas, desde que sejam pacificas. O movimento melhoria reivindica para o povo brasileiro, e isso é muito válido.
    Esta omissão da Igreja, em analisar e propor alternativas em Deus para o povo, vinda dos seus púlpitos é covarde. Isso mostra uma falta de engajamento pernicioso. Seria muita hipocrisia viver a vida, como se nada estivesse ocorrendo.
    A Igreja precisa ser conclamada a orar pelo seu país. Tem-se na Igreja tantas campanhas de tudo quanto é coisa, levantemos as nossas orações pelo povo brasileiro que está sem rumo, sem direção.

  • Alex Oliveira

    Já deu pra perceber que esta não é a posição da Igreja Adventista, não é mesmo? No máximo, a opinião de algum ou alguns líderes.

    Fico satisfeito em poder deixar minha “voz” aqui também.

    Foi muito oportuno exemplificar o movimento ou programa Quebrando o Silêncio.

    Adventistas são ótimos também em reclamar direitos em defesa de princípios religiosos pautados na seguridade de direito e respeito à posição religiosa.

    A igreja conquistou o interesse particular em prestar o ENEM após o por do sol, adventistas são obrigados a votar, então é preciso muita cautela eu defender o que a IGREJA defende ou não defende, pois não estamos falando da última palavra de uma organização com a opinião fechada dos líderes desta igreja. Eu sou a igreja, o iirmão que discorda da minha opinião também é a igreja, então não vamos levar esta posição como modelo de posição política.

    Há muitos adventistas professores,médicos, pintores, pastores, faxineiros que tem a sua visão.

    Passou o tempo de uma igreja leiga e alienalienada.

    • Luiz Guilherme

      Pois bem, Alex Oliveira, eu não participei deste debate, mas, com o objetivo de ajudar-lhe em seu desconhecimento, cito o que a Palavra diz sobre nosso dever para com as autoridades (pelo meu simplório conhecimento, Dilma ainda é a Presidenta do Brasil, portanto, uma autoridade constituída):

      ” Cada qual seja submisso às autoridades constituídas, porque NÃO HÁ AUTORIDADE QUE NÃO VENHA DE DEUS; AS QUE EXISTEM FORAM INSTITUÍDAS POR DEUS. Assim, aquele que resiste à autoridade, opõe-se à ordem estabelecida por Deus; e os que a ela se opõem, atraem sobre si a condenação. Em verdade, as autoridades inspiram temor, não porém a quem pratica o bem, e sim a quem faz o mal! Queres não ter o que temer a autoridade? Faze o bem e terás o seu louvor. Porque ela é instrumento de Deus para teu bem. Mas, se fizeres o mal, teme, porque não é sem razão que leva a espada: é ministro de Deus, para fazer justiça e para exercer a ira contra aquele que pratica o mal. Portanto, É NECESSÁRIO SUBMETER-SE, não somente por temor do castigo, mas também por DEVER DE CONSCIÊNCIA.” Romanos 13:1-5 / Logo, não estamos neste mundo para questionar os “por quês ou para quês” de Deus. Ele tem os Seus planos para cada um de nós e quer o nosso melhor ainda que não consigamos enxergar como Ele. Portanto, aconteça o que acontecer, devemos, com fé, confiar no Senhor.

  • luciano bastos

    No próximo domingo, dia 15mar, veremos mais uma vez, como somos manipulados a sair às ruas e reivindicar nossos “direitos” e cobrar de nossos políticos uma postura mais honesta. Pergunto: de onde partiu a iniciativa das manifestações:Políticos ou do povo? Vivemos num momento no qual há uma ausência de oposição. Alguns descontentes com a presidente, incitam o povo, como forma de camuflar problemas maiores, através de falsas manifestações, que de democráticas, nada apresenatam e são uma clara manipulação da vontade do povo. Pergunto: os gastos bilionários e sem “licitação” com a copa do mundo, onde as maiorias das empresas envolvidas no escândalo da Petrobras, foram as construtoras, porque não há nada comentado? O descaso com a saúde, educação, segurança, meio ambiente, habitação, etc fora desvios de verbas diversos serão lembrados nessa manifestação? Os abusivos impostos que nos são cobrados? E a supremacia de um STF que reajustas os próprios salários exageradamente, todos os anos? Tem muito mais …. Mas você acreditou que esta manifestando pela democracia (poder do povo). Pense, como adventista que és: “transformai-vos pela renovação da vossa mente…”. Abraços e que a Palavra de Deus seja nossa regra de fé.

  • alexis

    Mantido intactos seus princípios cristãos, o comportamento civil não é problema. Pelo contrário, há comportamentos civis que são cristãos. A sociedade civil é laica, e suas manifestações dentro dela assim também deve ser. A espiritualidade ocorre em cada ser de forma individual e não social. Vejo o convívio de ambos os conceitos de forma harmônica. O manifestar é saudável ao cristão, desde que não fira os princípios em hipótese nenhuma. A vida cristã com plena consciência política é possível.

  • Rafael Lopes Rodrigues

    Muitos comentários aqui são contra os argumentos do texto, mas não vi nenhum deles utilizar um texto bíblico para isso. Tudo se baseia no: eu acho, eu penso, etc. Não me admira não ter visto nenhum texto bíblico porque simplesmente ele não existe. Agora querem realmente que eu faça algo que não é incentivado na bíblia simplesmente porque os tempos mudaram? Acho que não.

    Quando o decreto dominical sair, nós iremos para as ruas fazer protestos? Eu vou é para as florestas e montes, como a palavra diz.

    • Walans Souza

      Boa amigo!!!

    • Luiz Guilherme

      Complementando sua argumentação, com sua permissão, cito o que a Palavra diz sobre nosso dever para com as autoridades:

      “Cada qual seja submisso às autoridades constituídas, porque NÃO HÁ AUTORIDADE QUE NÃO VENHA DE DEUS; AS QUE EXISTEM FORAM INSTITUÍDAS POR DEUS. Assim, aquele que resiste à autoridade, opõe-se à ordem estabelecida por Deus; e os que a ela se opõem, atraem sobre si a condenação. Em verdade, as autoridades inspiram temor, não porém a quem pratica o bem, e sim a quem faz o mal! Queres não ter o que temer a autoridade? Faze o bem e terás o seu louvor. Porque ela é instrumento de Deus para teu bem. Mas, se fizeres o mal, teme, porque não é sem razão que leva a espada: é ministro de Deus, para fazer justiça e para exercer a ira contra aquele que pratica o mal. Portanto, É NECESSÁRIO SUBMETER-SE, não somente por temor do castigo, mas também por DEVER DE CONSCIÊNCIA.” Romanos 13:1-5

      Logo, não estamos neste mundo para questionar os “por quês ou para quês” de Deus. Ele tem os Seus planos para cada um de nós e quer o nosso melhor ainda que não consigamos enxergar como Ele. Portanto, aconteça o que acontecer, devemos, com fé, confiar no Senhor.

  • ceiça bandeira

    Infelizmente muitos irão ficar feridos e até morrer. E sempre são os inocentes q pagam pelos culpados

  • Eraldo Edmar Masmann

    muito boa esta materia

  • Mara Santos

    Concordo plenamente, não adianta de nada essas manifestações, as próprias pessoas que estão lá fazendo suas reivindicações,precisam ser tratadas pelo Espírito Santo, a mudança tem que acontecer no Homem, então o sistema todo muda também!

  • Vitor Hugo Cruz

    Bom dia. O artigo foi maravilhoso e bem direto. Realmente prefiro seguir o exemplo de Cristo e ficar a parte de tudo isto pois sei que por mais manifestações que façam não irá solucionar os problemas!!! Estamos vivendo tempos difíceis que antecedem a volta do SENHOR. As coisas vão continuar a piorar e os preços a subir. Para os Adventistas tal conjuntura não deveria ser surpresa por que estudam as profecias e tudo está patente e claro lá. Nós Adventistas não devemos participar destes protestos por que não condiz com os projetos da igreja e de Cristo. Aspiramos uma pátria superior a esta então vivamos como cidadãos desta pátria.

  • Robson Ristau da Cunha

    “Quando o Justo governa o povo se alegra, mas quando o ímpio domina o povo geme.” (Provérbios 29:2)

  • Alex Colci

    Não concordo plenamente com o que foi exposto. Quando analisamos o que Ellen White escreve no livro Obreiros evangélicos, pág 387 “Muitos lamentam o mal que sabem existir, mas se consideram livres de qualquer responsabilidade no assunto. Isso não pode ser. Todo indivíduo exerce uma influência na
    sociedade.” Ela trata exclusivamente sobre problemas relacionados ao alcoolismo, porém, deve ser aplicado em todos os aspectos da sociedade. Devemos sim buscar uma pátria melhor e mais digna e não ser coniventes com o que ocorre hoje. Aquele que tenta esconder os erros, também é participante do pecado dos governantes.

    Qual é a lógica sair as ruas defendendo programas como “quebrando o silêncio” “missão
    Calebe” entre outros e ser conivente com aquilo que ceiva milhares de vidas a
    cada ano?

    Na maioria dos países do mundo, a igreja cristã desfruta de paz e livre expressão porque muitos derramaram seu sangue por essa liberdade. É um pouco incoerente a postura de conformismo e omissão quando dependemos desses movimentos para cumprir a nossa missão.

    O Sermão da Montanha (Mat 5) nada mais é do que um manifesto por uma sociedade em que predomina a justiça:

    “Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça, porque eles serão fartos.” (v. 6)

    “Bem-aventurados os pacificadores, porque eles serão chamados filhos de Deus.” (v. 9).

    Não é esse o grito do povo que sai às ruas? Que possamos sim manifestar por aquilo que é certo e de direito. Ao nos manifestarmos, que façamos isso com consciência, sem ferir os princípios bíblicos.

  • Marcelo Rodrigues

    Interessante perceber que muitos aqui defendem direitos, mas se esqueceram que tiveram o direito de mudar isso no ano passado e simplesmente se abstiveram disso. Esquecemos que os que lá estão, são um pequeno número de representantes da sociedade e se estão corrompidos, e porque a sociedade está corrompida como um todo. Muitos inclusive entre nós adventistas, já sabiam das questões de desvios de verbas e inúmeros casos de corrupção que já cercavam este governo, mas mesmo assim votaram neles com a justificativa de que estavam roubando mas para o povo estava melhor financeiramente do que em outros governos. Ou seja, Trocaram sua oportunidade de optar por fazer justiça e destituir do poder os saqueadores por “um pouco de dinheiro” isto é ou não é uma forma de corrupção também. Ora, sejamos prudentes, esta é a hora de trabalharmos para que Jesus venha, não de pleitearmos aqui um mundo melhor, o que já sabemos através das profecias que não encontraremos. Que Deus nos proteja e nos abençoe e nas próximas eleições que nos dê discernimento para que possamos escolher melhores administradores para este país.

  • Fabio Fernandez

    Acredito que esta é a melhor posição que a Igreja está a manifestar, pois, alguns de nós pseudo Cristãos que estão buscando uma espécie de “libertação” do governo atual que está a governar nosso País deveriam lembrar de que a Bíblia diz que as autoridades são “instituídas por Deus” Romanos 13:1-2, sendo que quando rejeitamos estes estamos a dizer que Deus errou; claro que nem eu e muito menos o Senhor defende a corrupção e tantas outras mazelas e pecados de nenhum governo do mundo que oprime seu povo isto Provérbios 29:4 (NVI) ressalta, mas o papel do Genuíno Cristão, é dia a dia orar por estas autoridades e na sociedade fazer o mesmo que Jesus que nunca ousou usar o seu poder e autoridade contra nenhum governo terreno de sua época, mas sim contra o governo de Satanás. Judas que traiu e vendeu Jesus lutou pelo poder e governo terreno, se focarmos o reino deste mundo trairemos a Jesus também hoje, ferindo preceitos Bíblicos sagrados. Tivemos a oportunidade da mudança em outubro passado e esta não ocorreu por escolha livre democrática da maioria; devemos acatar a vontade do Senhor e também agradecer a Deus que até aqui vivermos em uma nação de liberdade religiosa e de paz e não de guerra instituída e em meio a isto pregarmos o Evangelho para que o Governo que trará realmente justiça a todas as nações que é o do senhor Jesus que durará por todo o sempre.

  • Daniele da Silva Barbosa

    Acredito que é importante lutar por um ideal, por uma sociedade mais justa etc. Porém mais importante ainda é lutar pelos ideais de Cristo. O tempo está próximo, cristãos apressam a volta DELE levando o evangelho àquele que ainda não O conhecem , pois o que adianta lutarmos por um pais que NÃO é nossa pátria! Logo será o tempo que não poderemos nem ao menos adorar ao Senhor nas igrejas (como templo); vigiar e orar! Esta deve ser nossa maior manifestação!
    Cristão luta com joelho no chão!
    Obrigada pela matéria e pela oportunidade de comentar.

  • Pedro Castro

    Amigos, é meramente uma orientação que cada um utilizando-se da ética cristã deve concordar ou não, não precisamos polemizar o assunto, faça aquilo que a sua consciência achar que é certo fazer, só tem uma coisa, toda a ação inevitavelmente trará uma reação, portanto, esteja preparado pra isso. DEUS os abençoe.

  • Glaucon Santiago Silva

    Quando os Hebreus se juntaram pra reivindicar, as coisas não ficaram boas. E olha que até que eles tinham “razão” para isso. Leia o livro de Números e verá que só serviu pra arrumar problema.

  • Celso Borges

    Antes de mais nada gostaria de dizer que não defendo nenhum partido político, mas eu não consigo imaginar Jesus falando palavras de ordem e indo para a rua manifestar!!!

  • Celso Borges

    Antes de mais nada não defendo nenhum partido político, mas não consigo imaginar Jesus gritando palavras de ordem e indo para a rua manifestar!!!

  • Claudiomar Marques

    Precisamos imitar o mestre Jesus.

  • Paulo

    As buscas por interesses fazem o homem trilhar caminhos enganosos pois a busca pelo ilícito faz com que o homem caia.Jesus quando viu que as pessoas queriam lhe coroarem rei,mostrou que não queria isto da maneira mais humilde possível: montando em um jumento.muitos buscaram seus interesses e agora oque serar de nós?

  • PAULO JOEL

    Olá irmãos, gostaria de meditasse no que diz o livro conselhos para a igreja capitulo dois – tempo do fim… será de grande importância…

  • Jeová José

    Li alguns comentários e deu para perceber que a Igreja precisa mesmo de uma sacudidura. Tem diversos pensamentos desencontrados e o pior, muitas acusações e ofensas, mesmo com a Bíblia nas mãos. Já que pediram relatos bíblicos vamos lá. Paulo de Tarso era cristão e apelou pelos seus diritos de cidadão romano para não ser chicoteado.Estevão fez um discurso inteiro, condenando as atitudes dos Reis, Sacerdotes, Mandatários, e do seu próprio povo judeu pela crucificação de Jesus Cristo. O próprio Jesus ao ressuscitar Lázaro, mandou que homens removessem a pedra. O Congresso Nacional está abarrotado de leis contra a Bíblia, contra a estrutura familiar, os bons costumes e a favor de aborto, dos LGBTs e de corruptos. O partido do governo já deixou bem claro que a intenção é implantar uma Ditadura Comunista. O comunismo é um dos maiores inimigos dos cristãos. Deus vai nos defender sim meus irmãos mas quando nós estivermos todos reféns, numa situação irreversível. Quem quiser cruzar os braços que o faça é um direito mas não se esqueça de Apc.21:8 que não diz coisas muito boas para os covardes e medrosos.Veja esta declaração: Por mais de um século os Adventistas do Sétimo Dia tem sido ativos promotores da Liberdade Religiosa. Reconhecemos que temos que defender a Liberdade de Consciência e de Religião, como um direito humano fundamental, em harmonia com os orgãos das Nações Unidas. Esta declaração foi aprovada e votada pela Comissão Administrativa da Associação Geral dos Adventistas do Sétimo Dia(ADCOM), e foi liberada pelo Gabinete do Presidente Robert S.Folkenberg, na sessão da Conferência Geral de Utrecht, Holanda, 29 de junho a 28 de julho de 1995.

  • Alaíde Patriota

    …e o que mais dói é ver os irmãos entrando para a política. Fazer parte dessa corja. A própria Ellen White não aconselhava o envolvimento de cristãos na política. Eu também acho uma afronta a Palavra de #Deus. Se #Deus não resolver isso aí, quem irá resolver um simples mortal? Sonhaaar!

  • Daniel Araújo

    falta o windows phone

  • Jemilson Menezes

    Falta windows Phone uaii .. Obrigado

  • Edward Carl

    Ótimo texto parabéns.

  • Denise Diedrich

    Muito esclarecedor o texto!

  • Margareth Miranda

    O mundo jaz no maligno, mesmo que haja um candidato na politica que tenha a intenção de fazer o bem, sera impedido pelo sistema do anti-cristo. So podemos confiar em Deus para restringir os ventos e proclamarmos o evangelho para apressar a sua vinda.

  • Margareth Miranda

    Nunca vi um sentido claro no Quebrando o Silencio como uma ferramenta nossa e essa sua afirmação apoiada pelo Espirito de Profecia, “Estamos, como adventistas, neste mundo com uma mensagem especial que é preparar um povo para o encontro com o Senhor! Cremos que a nossa força não deve estar nas manifestações por justiça, mas em anunciar a volta do Senhor Jesus, a verdadeira causa!” só me ajudou a ver que não faz mesmo sentido.

  • CAlberto Gomes de Oliveira

    É. A palavra de Deus está cada dia mais viva. “A pedras clamarão”. “Não há nada oculto que não venha a ser revelado”. Infelizmente nossas autoridades são injustas e desonestas. Justiça somente a divina. Oremos para que, um dia, tenhamos um líder que tema ao Deus único, por meio de Cristo, Seu Filho, pois até o momento, inexiste. Que Deus nos mostre.

  • Silvan Andrade

    Considero que o texto esta fora do contexto do Capitulo, Se ler o Capitulo por completo veras que a escritora fala que nao devemos nos envolver no sentido de querer implatar o Reino de Deus na Terra. Visto que a tendencia a minha tendencia,particulamente, é pressionar o governo pra que eles cumpram lei, e nao que eles implatem um reino cristao aqui na terra! Assim como Paulo reivindicou seus direitos civis, e nao houve quebra de principios Cristao, da mesma maneira podemos cobrar nosso governandes sem quebrar principios! Acredito sim.. que Devemos ter o Bom senso e tomar Cuidado!! Mas utilizar esse texto acredito que nao seja a melhor forma!!

WordPress Image Lightbox